ACEITAÇÃO E CRENÇA RECONSIDERADA

Por

Keith Lehrer

em

Theory of knowledge

Como um sistema de aceitação gera justificação? Diz-nos, racionalmente, alguma coisa na busca para a verdade. Nosso sistema de aceitação nos diz ser mais racional uma coisa do que outra, e mais racional aceitar alguma coisa sobre uma suposição do que sobre outra quando buscamos verdade,isto é, buscamos aceitar alguma coisa se e somente se é verdadeira. Considere a distinção entre aceitação e crença que propomos no capítulo 2. Muitas falsas idéias nos são apresentadas em formas atrativas e podem,como um resultado,ser cridas quando sabemos que elas são falsas.Um político pode te convencer da verdade do que ele diz,quando você sabe que ele não é digno de confiança. Você sabe que ele dirá tudo o que é preciso para obter seu voto com praticas persuasivas. Você pode ver nos seus olhos ambiciosos. Mas, você quer acreditar nele. Você quer crer que a economia é forte, que você está economicamente seguro, especialmente quando os objetivos mensurados  são alarmantes. Ele é caloroso, humano, e consola, enquanto os dados são frios, matematicamente e angustiantes. Como você pode resistir? Você crê nele, mas você sabe que a economia está escorregadia.

Como estamos para explicar este conflito entre conhecimento e crença?  Estamos divididos em sistemas separados. Um está buscando-verdade, e contém o que aceitamos, no interesse de conseguir verdade e evitar o erro, de aceitar algo exatamente no caso de ser verdadeiro. O outro sistema é o submisso ao hábito, instinto, e necessidade. Muitas vezes os dois coincidem. Para a maior parte, o que cremos é também algo que aceitamos no interesse de obter verdade e evitar o erro, e o que aceitamos desta forma é também algo que cremos. Algumas vezes as formas dividem-se, entretanto. Algumas vezes a voz da verdade fala contra a mais antiga língua da crença. Não aceitamos o que nos diz o político de boa fé verdadeira, ainda se não conseguimos evitar, mas cremos nele.

Tomemos outro exemplo. Olhamos estrelas numa noite de verão e cremos que todas elas existem em algum lugar bem distante de nós, nos céus. Como olhamos, não podemos evitar, mas cremos que estes objetos luminosos existem agora. No entanto, a ciência nos diz que alguns deles a muito desapareceram e apenas a luz viaja através do espaço, é que nos chegam após um atraso astronômico. Ciência, não de nossos olhos, é confiável, e assim nós não aceitamos que os nossos olhos nos dizem. Um antigo sistema de crença perceptiva conflita com o sistema científico de aceitação. Filósofos tradicionais falaram de um conflito entre a razão e a crença, enquanto os filósofos modernos podem ser mais inclinados a falar de um conflito entre um sistema central, capaz de raciocínio e algum sistema de entrada mais automático. Se nós preferimos uma construção tradicional ou moderna, um sistema, o sistema de aceitação, atua como juiz do outro para obter a verdade e evitar o erro.

Anúncios

4 Respostas to “ACEITAÇÃO E CRENÇA RECONSIDERADA”

  1. [ADM]EXSDOWNS Says:

    GOSTEI DO SEU BLOG E MSSA!!

  2. Pr. Marcelo Says:

    Shalom!

    Uma alegria conhecer seu blog. O Eterno resplandeça o rosto Dele sobre ti.

    Medite no Sl 36.8,9

    Nele, Pr Marcelo

    Visite>> http://davarelohim.blogspot.com/

    e veja o texto:

    4 termos hebraicos relativos à natureza humana

    P.s>>> Caso vc se identifique com o blog, torne um seguidor. Será uma alegria!

    Grato!

  3. JP Says:

    mt maneiro !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  4. Fabíola Says:

    Interessante a proposta do seu blog. Nunca tinha visto um blog assim na blogsfera. É interessante. Vou até favoritar aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: