COMPETIÇÃO DEFINIDA

Por

Keith Lehrer

em

Theory of knowledge

A noção de competição é mais problemática. Alguém poderia pensar que competidores de uma dada afirmação são afirmações que contradizem ela. Afirmaçãoes que contradizem uma dada afirmação competem com ela, mas algumas afirmações que não contradizem a afirmação também podem competir com ela. O exemplo da alucinação é um exemplo. A afirmação que eu vejo um gato não contradiz que eu estou alucinado, na verdade é logicamente possível para uma pessoa ver um gato ainda que ela esteja alucinada. A afirmação que eu estou alucinado não conflita, logicamente, com a afirmação que eu vejo um gato, mas a suposição que eu estou alucinado poderia tornar menos razoável aceitar que eu estou vendo um gato do que a suposição oposta. Se eu estou alucinado, então sou menos digno de confiança sobre o que eu vejo do que se eu não estou alucinado. A noção desejada de competição pode ser definida em termos de uma concepção comparativa de razoabilidade sobre uma suposição como segue:

c compete com p para S no sistema X em t se e somente se é menos razoável para S aceitar que p na suposição que c é verdadeiro do que na suposição que c é falso sobre a base do sistema X em t.

A definição mencionada acima contém uma variável X que pode ser substituída pela referência ao sistema de aceitação de S para obter a noção requerida de competição sobre a base de um sistema de aceitação. A definição é dada nesta forma geral, assim que para que possa prevalecer nossa definição a fim de definir mais tarde, a concorrência com base em outros sistemas. A definição de competição sobre a base de aceitação obtida no mencionado acima é como segue:

c compete com p para S sobre a base do sistema de aceitação de S em t se e somente se é menos razoável para S aceitar que p na suposição que c é verdadeiro do que na suposição de que c é falso sobre a base do sistema de aceitação de S em t.

Tendo definido competição desta forma, devemos agora reconsiderar nossa definição de justificação em termos de coerência adequada. Se é mas razoável aceitar algo do que aceitar algum dos competidores, é natural pensar nela como batendo nos seus competidores. A noção de bater pode ser definida como segue:

p bate c para S em X em t se e somente se c compete com p para S em t e é mais razoável para S aceitar que p do que aceitar que c em X em t.

Estas definições sugerem que uma pessoa está justificada pessoalmente em aceitar algo exatamente no caso que coere com o sistema de aceitação.Portanto, poderíamos definir justificação pessoal como segue:

S está pessoalmente justificado em aceitar que p em t se e somente se p bate em todas as coisas que competem com p sobre a base do sistema de aceitação de S em t.

Anúncios

Uma resposta to “COMPETIÇÃO DEFINIDA”

  1. Os números de 2010 « Conceito de conhecimento Says:

    […] COMPETIÇÃO DEFINIDA fevereiro, 2010 5 […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: