QUINZE TESES DE REID SOBRE A MEMÓRIA

Publicado em externalismo.blogspot.com

1 – Pela memória temos conhecimento imediato das coisas passadas (Ensaios 3.1).
2 – A memória preserva informações colhidas pelos sentidos no presente (Ensaios 3.1).
3 – Se a memória não preservasse tais informações, a desconheceríamos, como se nunca houvessem existido (Ensaios 3.1).
4 – A memória deve ter um objeto (Ensaios 3.1).
5 – Todo homem é capaz de distinguir a coisa lembrada da sua lembrança (Ensaios 3.1).
6 – O objeto da memória deve ser algo passado (Ensaios 3.1).
7 – A memória sempre é acompanhada da crença no que é lembrado (Ensaios 3.1).
8 – O fundamento da crença é a distinção da lembrança (Ensaios 3.1).
9 – Temos conhecimento real do que lembramos distintamente (Ensaios 3.1).
10 – Ninguém questionaria tal conhecimento real (Ensaios 3.1).
11 – A memória pode falhar quando é menos distinta e determinada, mas isso não diminui seu crédito quando é distinta (Ensaios 3.1).
12 – A memória implica uma concepção e uma opinião sobre durações passadas (Ensaios 3.1).
13 – Seria impossível adquirir uma concepção da duração sem a memória (Ensaios 3.1).
14 – Para lembrar agora é preciso ter percebido no passado (Ensaios 3.1).
15 – Essas teses se apóiam na reflexão de cada um (Ensaios 3.1).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: